New Directors | New Films
Seleção Oficial FEST 2019 - Sessões temáticas
14.05.2019

Com pouco mais de um mês para o arranque do FEST – Festival Novos Realizadores | Novo Cinema, e depois de desvendarmos a seleção do Be Kind Rewind deste ano, continuamos a revelar um programa de cinema recheado de boas surpresas.

Em 2019 a secção Flavours of the World está focada pura e exclusivamente num país repleto de talento. A tarefa de encontrar um país com uma tradição cinematográfica tão vincada como a da Dinamarca, é uma tarefa ingrata.

Desde o inicio da experiência do cinema que esta nação nórdica se destacou da multidão, sendo mesmo a única a competir com os primórdios do sistema de Hollywood, apesar do desequilíbrio notório em termos de recursos. Nas décadas que se seguiram, artistas como Carl Theodor Dreyer e Billie August prepararam o palco para uma explosão cinematográfica que já se adivinhava e em 1995 surgiu o mais influente e importante movimento cinematográfico da nossa era: o movimento Dogme 1995.

Mais uma vez, graças a um grupo de jovens autores inquestionavelmente únicos, a Dinamarca volta a transformar-se numa meca para cinéfilos de todo o planeta, temperada por um estilo de cinema que tem tanto de provocador como de inovador.

Haverá mais espaço para novas produções Dinamarquesas ao longo do resto do programa.

 

SELEÇÃO FLAVOURS OF THE WORLD 

 

Programa de novos criados Dinamarqueses

The Sound Of Unexpected Death – Alexander Sagmo (Dinamarca)

Floreana – Louis Morton (Dinamarca)

The Elephant - Kerren Lumer-Klabbers (Dinamarca)

Weltschmerz – Jesper Dalgaard (Dinamarca)

Maja – Marijana Jankovic (Dinamarca)

 

Sessão Longa #1

A Royal Affair – Nikolaj Arcel (Dinamarca)

 

Sessão Longa #2

The Hunt – Thomas Vinterberg (Dinamarca)

 

 

Floreana - Louis Morton

  

O FESTinha, um espaço já conhecido por dar lugar aos mais novos, não podia falta na preparação para os 15 anos do Festival.

Dedicando-se há 10 anos à exposição dos trabalhos de cineastas cujo trabalho se foca nos mais novos, há cerca de 5 anos o FESTinha começou a contar não só com a exibição de filmes, mas também com uma parte competitiva, onde o júri é formado por crianças e jovens de diferentes idades. É hoje uma secção completa e de identidade renovada e já cimentada, que se divide em 3 escalões: Sub-10, Sub-14 e Sub-18.

Na secção de Sub-10, destacamos Julia Ocker, que conta com vários em exibição este ano, cada um referente ao quotidiano dos animais que lhes dão o nome. Ainda na secção de Sub-10, diretamente da Austrália, destacamos o filme Lost & Found, uma animação diferente com protagonistas feitos de lã, que tem como mensagem o valor da amizade.

 

SELEÇÃO SUB-10 FESTINHA

 

Sessão #1

The Bird & the Whale - Carol Freeman (Irlanda)

Spark - Jacob Patrick (Estados Unidos)

Anglerfish - Julia Ocker (Alemanha)

Ant - Julia Ocker (Alemanha)

NEST - Sonja Rohleder (Alemanha)

Roundabout - Noah Gavrich (Estados Unidos)

No! - Christian Kaufmann (Alemanha)

No Gravity - Charline Parisot, Jérémy Cissé, Fioretta Caterina Cosmidis, FLore Allier-Estrada, Maud Lemaître-Blan Abraham (França)

Little Grey Wolfy - Spring and Icy Drift - Natalia Malykhina (Noruega)

Vivat Musketeers! - Anton Dyakov (Rússia)

 

Sessão #2

Giraffe - Julia Ocker (Alemanha)

Lion - Julia Ocker (Alemanha)

Talent Scout - Jose Herrera (Espanha)

Colourbirds - Oana Lacroix (Suiça)

Caixinha - Mariana Pita (Portugal)

KUAP - Nils Hedinger (Suiça)

Koyaa - Naughty Toy Car - Kolja Saksida (Eslovénia, Croácia)

Bat - Julia Ocker (Alemanha)

Bear - Julia Ocker (Alemanha)

Grandpa and Go - Han-Ping Lin (Taiwan)

Macaron Love - Jun-Hao Chen (Taiwan)

Red Panda - Keyon Guo (Singapura)

 

Sessão #3

Ballad of pipe and necklace - Martin Babic (Croácia)

Penguin - Julia Ocker (Alemanha)

Earthworm - Julia Ocker (Alemanha)

Lost & Found - Andrew Goldsmith, Bradley Slabe (Austrália)

Freedom - Stéphanie ONG (França)

Master painter Bah Bizon - Uli Seis (Alemanha)

O Malabarista - Iuri Moreno (Brasil)

Look - Meinardas Valkevičius (Lituânia)

Koyaa - Dancing Socks - Kolja Saksida (Eslovénia)

 

Sessão #4

Sloth - Julia Ocker (Alemanha)

Slug - Julia Ocker (Alemanha)

Washing Day - Claire Lamond (Reino Unido)

Barbaer - Luzia Schifferle, Tobias Speiser (Suiça)

The Ape Man - Pieter Vandenabeele (Bélgica)

The Man Who Could Fly - Jaroslav Klimeš (República Checa)

Wired - Zeyu Ren (Estados Unidos)

Pinkish - Zoe Papatheohari (Austrália)

Waikiki - Maris Brinkmanis (Letónia)

 

 

Sloth - Julia Ocker 

 

A secção de Sub-14, destacamos a Don’t Feed These Animals, uma animação portuguesa que conta a história de um coelho bipolar a viver num laboratório com uma fixação por cenouras. Num estilo cartoonesco, os realizadores portugueses revelam-se fortemente inspirados no universo dos Looney Tunes e de Dexter’s Laboratory. Também merecedora de atenção é a curta-metragem de ficção Blooming que aborda a primeira menstruação de uma jovem.

 

SELEÇÃO SUB-14 FESTINHA

 

Sessão #1

Don't Feed These Animals - Guilherme Afonso, Miguel Madaíl de Freitas (Portugal)

Alone - Antoine Laurens (França)

Swift - Byeo Ri KimHae, Deun Woo and Ye Bin Ahn (Estados Unidos)

Carlotta's Face - Valentin Riedl, Frédéric Schuld (Alemanha)

Monsters Walking - Diego Porral Soldevilla (Espanha)

Motten - Clara Zoe My-Linh von Arnim (Alemanha)

Ronaldo - Recep Bozgöz (Turquia)

Save Our Souls - Sean Lin, Nicholas Chin (Indonésia)

Oblivion - Xenia Grey (Espanha)

Looking For Something - César Pelizer (Reino Unido)

A Fish in a Punch Bowl - Tanja Hurrle (Alemanha)

 

Sessão #2

How and why Don Jose Dissipated - Moshe Ben-Avraham (Israel)

MVP - Artur Marcol (Polónia)

Bráška - Kelly Butler, Lukas Sunderlin (Estados Unidos)

Underground - Jun Bae (Estados Unidos)

Blooming - Dora Šustić (República Checa)

Nine Lives - Vojtech Papp (República Checa)

Birthplace - Sil van der Woerd, Jorik Dozy (Indonésia)

 

 

Don't feed these animals -  Guilherme Afonso e Miguel Madaíl de Freitas 

 

A secção de Sub-18, com três longas-metragens em competição, traz-nos talentos de Itália, Estados Unidos e Canadá, num conjunto de filmes que abordam temas como a fidelidade, sobre a complexidade da adolescência e os perigos das redes sociais, num cocktail de comédia, drama e documentário.

 

SELEÇÃO SUB-18 FESTINHA

 

Imperfect Age - Ulisse Lenadro (Itália)

Like - Scilla Andreen (Estados Unidos)

The fall of Sparta - Tristan Dubois (Canadá)

 

 Imperfect Age - Ulisse Lenadro

 

O Lost in the Metaverse traz-nos duas sessões que prometem pôr o público a pensar. Com o espaço e a terra como grandes protagonistas, esta secção temática do festival continua comprometida a explorar as possibilidades de realidade virtual e aumentada no cinema.

Terra Dinâmica é um filme de Mike Bruno que explora a relação da terra com os diferentes elementos que a afetam. Com uma forte tónica em conceitos e termos para a compreensão do clima, este filme preocupa-se em educar para a ciência, ao mesmo tempo que oferece entretenimento, num formato único que representa a terra como um organismo vivo e a analisa de dentro para fora.

Explore é uma produção de Maciej Ligowski e conta a história da ambição humana para colonizar Marte. Com o objetivo de melhorar a imersividade para o público, o filme aprofunda factos científicos, tentando fazê-lo de uma forma que descodifique a misticidade da exploração do espaço, e ensina também como as conquistas individuais podem mudar o mundo.

 

SELEÇÃO LOST IN THE METAVERSE

 

Terra Dinâmica – Mike Bruno (Estados Unidos da América)

Explore – Maciej Ligowski (Polónia)

 

Terra Dinâmica - Mike Bruno

 

Junte-se a nós na celebração dos 15 anos do FEST, de 24 de Junho a 1 de Julho em Espinho, Portugal.