Mark Appleby

Ocupação na Indústria: Responsável de Mixagem ADR

Nacionalidade: Britânica

Principais Trabalhos: "V for Vendetta" (2005) e "The Iron Lady" (2011)

Principais Prémios e Nomeações: Nomeado ao Prémio Australian Screen Sound Guild na categoria de Melhor Gravação Sonora em Filme por “Peter Rabbit”

Mark Appleby iniciou a sua carreira na área de pós-produção no início do do ano 2004, quando se juntou ao Goldcrest para assistir a sessões de ADR e Foley.

Após algum tempo e bastante conhecimento depois, Mark tornou-se técnico de mixagem. Mais tarde passou a ser técnico de mixagem e assistente de ADR de Paul Carr, que se reformou em 2007, quando Appleby assumiu o controlo como como responsável e ADR e começou a trabalhar em alguns dos seus melhores projetos.

Mark está presente nos créditos de mais de 130 projetos, tendo trabalhado com realizadores como George Lucas em “Star Wars: Episode III - Revenge of the Sith” (2005), Tim Burton em “Miss Peregrine's Home for Peculiar Children” (2016) ou Danny Boyle em “T2 Trainspotting” (2017). E em todo o tipo de géneros, desde animação, em filmes como “Winnie the Pooh” (2011), passando por grandes dramas clássicos como “The Iron Lady” (2011) e “V for Vendetta” (2005), terminando em incríveis filmes de ação como “X-Men: First Class” (2011) e “Captain America: The First Avenger” (2011)

Ele também trabalhou múltiplas vezes com realizadores como Matthew Vaughn, na dupla produção de “Kingsman”, e Edgar Wright em “The World’s End” (2013) e “Baby Driver” (2017), recebendo a nomeação a Outstanding Achievement in Sound Mixing for Motion Pictures pela Cinema Audio Society.